Entenda Como a Pornografia Contribui para sua Ejaculação Precoce

pornografia e ejaculação precoce

Já faz algum tempo que eu tenho recebido bastante dúvidas dos leitores sobre a influência da pornografia na ejaculação precoce. Então, decidi escrever este artigo para tratar de maneira bem completa sobre o assunto. Mas já deixo um alerta, o que eu vou dizer provavelmente confrontará tudo que você sabe ou toma como verdade a respeito do sexo e da pornografia. Portanto, leia tudo atentamente e mantenha sua mente aberta.

Muitos homens que sofrem de ejaculação precoce, se sentem inseguros de ter relações sexuais com suas parceiras. Essa insegurança, surge principalmente do medo de falhar, de passar vergonha ou decepcionar a parceira. Então, a maneira que esses homens encontram para colocar para fora seus desejos sexuais é por meio do acesso a conteúdo pornográfico e a masturbação. Porém, por mais natural que possa parecer essa prática, ela traz sérios riscos para o seu equilíbrio mental e até mesmo para o seu relacionamento.

Por isso, vou lhe ensinar a controlar e focar seus impulsos sexuais nas atividades certas, para que você comece a proporcionar muito mais prazer para sua parceira ainda hoje.

HOMEM, UM SER IMATURO!

garotos com tablet, adolescentes

Sinto decepcioná-lo, mas provavelmente você sabe muito pouco sobre sexo. Mas, a culpa não é sua… Eu vou explicar!

Desde crianças, nós homens, somos educados a brincar de carrinho, boneco, video game, futebol e nos envolvermos em algumas brigas. Afinal, somos Homens, com H maiúsculo. E sentimos muito orgulho disso. O problema é justamente esse, estamos olhando apenas para nosso universo particular masculino, onde queremos ficar quietos, sem que nada, nem ninguém questione nossos pilares.

Agora, o que é que as mulheres fazem durante a infância e adolescência? Elas brincam de boneca, e lidam como se cada boneca fosse um membro de uma família, ela sabe que cada boneca vai exercer um papel dentro de uma casinha. Enquanto isso, você vivia socando seus bonecos uns contra os outros, e sempre achando isso o máximo.

Quando as garotas se sentiam tristes ou com raiva, elas despejavam todas as sensações em um diário, aprendiam a refletir sobre os sentimentos. E você, quando ficava bravo ou triste o que fazia? Queria bater em alguém ou quebrar alguma coisa!

Quando as meninas menstruam pela primeira vez elas contam para mãe e pedem conselhos. Quando você ejaculou pela primeira vez, você chamou seu pai? Acho que não!

Quando as garotas querem conhecer melhor sobre os relacionamentos, elas compram revistinhas que tratam sobre o universo feminino, dicas de beleza, alto-astral e moda. E você, provavelmente não gostava de ler, e quando lia alguma coisa eram quadrinhos ou a Playboy.

Quando as mulheres estão namorando, e querem ter a primeira relação sexual, elas vão para o ginecologista com a mãe. E você, antes de sua primeira relação sexual, foi para o urologista com o seu pai? Acho que temos mais um não.

Diante de tudo isso, o que podemos concluir? Que as mulheres são muito mais maduras que os homens em termos de sexo e relacionamento.

Tanto é verdade, que as garotas de sua idade, na adolescência nunca reparavam em você. Elas apenas queriam os homens mais velhos. Com 4 ou 5 anos de idade a sua frente, fisicamente mais fortes e bem mais experientes no quesito relacionamento. Fica difícil competir com um cara desses.

E quando a garota dos seus sonhos não dava bola para você por causa do cara mais velho, o que você fazia? Ia detonar ela junto dos seus amigos, mas quando você chegava em casa, se masturbava pensando nela.

É meu amigo, sua esposa, noiva, ficante ou namorada é muito mais esperta que você. Ela sabe lidar melhor com as emoções, e sabe o que quer na hora do sexo. E você, o que pretende fazer a respeito disso? Continuar assistindo seu videozinho pornô? Acho melhor não!

CUIDADO COM SUAS INFLUÊNCIAS!

homem na cama, pornografia

Tudo que ocorre ao nosso redor, está nos influenciando. Já escrevi sobre a influência do ambiente em nossos hábitos neste post.

Seus pais, seus amigos, a classe social que você pertence, os livros que lê, os sites que visita e até o comercial da TV causam diariamente interferências nos seus padrões de escolha e formam as referências que você tem sobre a vida.

Para uma pessoa pobre, que passa necessidades, a vida é dura. Para alguém que nasceu em berço de ouro, a vida é uma maravilha. Esse é apenas um exemplo extremo para ilustrar que o ambiente e as pessoas ao seu redor, estão constantemente formando a sua visão de mundo. E isso pode ser tanto algo bom, quanto ruim. Por isso, você precisa saber quais influências deseja tomar para si.

E quando o assunto é sexo, qual a sua principal referência? A pornografia!

Não sei se com você foi diferente, mas meus pais nunca falaram abertamente sobre sexualidade comigo. E a melhor forma de procurar informações era com os amigos da escola, as revistas pornográficas e os filmes de conteúdo adulto.

O grande problema disso tudo, é que a pornografia é uma grande mentira, e os colegas de escola não tem muito a agregar.

As mulheres da vida real não se parecem com as atrizes de um filme adulto, sua companheira provavelmente é uma mulher comum, que trabalha ou que cuida da casa e dos filhos, como todas as outras mulheres.

No filme pornô, tudo é editado, modificado e distorcido. Nos filmes a mulher sempre está pronta para o sexo, como uma máquina sexual insaciável a espera de um garanhão.

Os homens nos filmes pornográficos, possuem pênis enormes, extremamente eretos e conseguem passar horas e horas sem ejacular. E isso é uma verdadeira pancada na sua autoestima. Mas, o que ninguém te conta é que esta cena foi gravada e editada dezena de vezes.

Pegue uma mulher comum, coloque silicone nos seios e na bunda, depois deixe ela super maquiada, crie uma história bobinha, use um jogo de luzes e teremos o filme pornô perfeito.

Ou seja, uma grande mentira foi contada para nós durante vários anos. O sexo da vida real, não se parece nem um pouco com o sexo do filme pornô.

As crianças adoram assistir desenhos animados, nós sabemos que tudo é uma fantasia. Mas, o filme pornô também é uma fantasia, a principal diferença é que no desenho animado a criança vai extrair alguma lição de vida, no filme pornô estão nos contando uma grande mentira, e o pior: nós acreditamos!

E qual o principal problema disso tudo, é você achar que precisa ter o mesmo desempenho que um ator pornô, que sua parceira precisa ser quente e sedenta por sexo feito a Sasha Grey, e que sua ejaculação precoce faz de você um perdedor.

Eu separei este link, contendo fotos de atrizes pornô antes e depois da maquiagem. Cuidado para não se decepcionar! Provavelmente sua parceira é bem mais bonita que muitas dessas garotas. E talvez você não esteja reconhecendo isso! Não se deixe enganar pelo silicone, botox e a maquiagem. Pois é nisso que eles querem que você acredite. Afinal, seu interesse sustenta uma indústria milionária.

COMO A PORNOGRAFIA CONTRIBUI PARA SUA EJACULAÇÃO PRECOCE

mulher decepcionada com o marido

Agora vem a parte tensa da história. Segundo pesquisas científicas, você pode conferir as fontes da pesquisa aqui (em inglês), a pornografia faz um enorme estrago na sua mente, pode prejudicar seu relacionamento e fazer com que você perca gradativamente o interesse em sua parceira.

Muitos homens, ao assistirem com frequência vídeos pornográficos, acabam acreditando que o desempenho sexual do casal precisa ser igual ao do filme. E quando ele vai para a cama com a esposa, acaba ficando sem tesão, pois percebe que é tudo muito diferente do que ele costuma assistir.

Tem homens, que já criaram uma dependência tão grande na pornografia que acabam preferindo se masturbar a ter uma relação sexual com a companheira.

Abaixo, listarei alguns comportamentos ligados a masturbação e a pornografia que contribuem para sua ejaculação precoce ou interferindo diretamente em sua vida sexual:

  • Você se sente mais à vontade se masturbando do que fazendo sexo com sua parceira;

  • Você sente mais tesão pelas mulheres do filme pornô, do que por sua companheira;

  • Sua masturbação é frequente e você está acostumado a ejacular logo;

  • Quando você vai fazer sexo, você se sente inseguro, com medo de falhar;

  • Seu desempenho na masturbação é melhor do que no sexo com uma mulher de verdade;

  • Você se masturba como uma forma de aliviar sua tensão e faz isso vendo pornografia.

Se você se encaixa em alguns dos casos acima, é provável que o consumo de conteúdo pornográfico esteja atrapalhando sua vida sexual, mudando seus padrões mentais e formando a visão que você tem sobre sexo.

Meu conselho para você é:

CORTE A PORNOGRAFIA DE SUA VIDA

homem assistindo TV e comendo pizza

Se você já sabe que a pornografia é ruim para o seu desempenho sexual e pode estar atrapalhando seu relacionamento, então corte-a da sua vida.

Não é fácil! Mas é possível!

Vou fazer uma comparação para você entender melhor: quando estamos com muita fome, queremos algo prático, de preferência com um preço justo e que seja bem saboroso, e tem um alimento que se encaixa perfeitamente nessa descrição: Pizza!

Tem coisa melhor que pizza quando bate aquela fome? É prática, uma delícia, todo mundo gosta e satisfaz uma necessidade urgente: mata sua fome.

Mas, se formos analisar com calma, vamos perceber que a pizza é um grande amontoado de açúcar (carboidratos) e gordura. E isso contribui para uma série de doenças e complicações de médio e longo prazo na sua saúde.

A pornografia é igual à pizza, é uma porcaria para o seu organismo, mas satisfaz sua vontade de fazer sexo.

Enquanto na pizza falta valor nutritivo, na masturbação com a pornografia falta afeto.

Tudo é resumido a prazer, de preferência para agora!

OBS.: a prática da masturbação por puro prazer e com pornografia, pode comprometer seu desempenho sexual. Eu indico a masturbação, mas uma masturbação consciente, sem pornografia. Apenas para você conhecer seu corpo, avaliar seu desempenho, sentir seus músculos e tomar consciência do processo ejaculatório. E lembre-se, na masturbação, você está transando na sua mente. Eu prefiro sexo na vida real!

REVOLUCIONE SEU RELACIONAMENTO HOJE COM O TESTE DE 15 DIAS

casal bem resolvido

Gostaria de te propor um teste de 15 dias sem pornografia. Fique 15 dias sem acessar nenhum filme, revista ou site que tenha conteúdo adulto.

Na maioria das vezes, os homens se masturbam por que se sentem entediados ou frustrados e não para satisfazer sua libido.

Você agora terá a missão de canalizar essa energia sexual em outras atividades. Sempre que sentir vontade de se masturbar ou acessar pornografia, leia um livro sobre relacionamento, leia um artigo aqui no blog, vá conversar com sua companheira ou até mesmo proponha uma noite romântica.

Tem um segredo que eu vou compartilhar com você. Enquanto o desejo sexual do homem, fica contido em sua região genital. Na mulher o desejo sexual é estimulado por vários sentidos e partes do corpo. Um olhar diferente, uma comida afrodisíaca, uma música romântica, uma ocasião especial e um toque delicado podem excitar uma mulher.

As mulheres se excitam de maneiras diferentes. Então, se você realmente quer proporcionar prazer a sua parceira, comece a excitá-la diariamente, mas não precisa ser por meio do sexo. Fale coisas que ela gosta de ouvir, mande mensagem carinhosas, convide ela para ir em um evento agradável, faça uma massagem no corpo dela, compre uma loção hidratante que tenha uma fragrância agradável, tome banho junto com ela, acaricie o cabelo dela antes de dormir, dê beijos não só na boca, mas na nuca, no pescoço e no busto dela. Faça com que sua companheira se sinta especial por estar com você todos os dias. Ela viverá excitada, não só sexualmente, mas por estar com você.

Quando for na hora do sexo, você não precisa nem demorar cinco minutos. Ela terá orgasmo de uma maneira tão natural e espontânea, que sua ejaculação precoce não será um problema.

O importante do sexo não é quanto tempo os dois conseguem demorar, mas se foi bom para o casal, independente de durar uma hora ou cinco minutos. E você depois ainda pode repetir a dose.

Sempre que pensar em pornografia, lembre que isso lhe afasta cada vez mais de um sexo natural. Compromete seu relacionamento e não tem nada de afetivo.

Quando surgir a vontade de se masturbar, foque em sua missão pessoal de encantar diariamente sua parceira. E imediatamente ligue para ela, mande uma mensagem, se faça presente.

Se você não tem uma parceira (esposa, namorada, noiva, ficante) você não precisa se sentir mal por causa disso. Essa é uma ótima oportunidade para você se aperfeiçoar antes de entrar em um relacionamento. De chegar já com uma mentalidade diferente, que vai lhe deixar muito mais seguro e vai fazer qualquer garota se sentir bem por estar com você.

Lembre-se: sexo não é um ato egoísta. Exige afeto e intimidade.

Muitos homens, se masturbam mais de uma vez por dia, e mesmo assim, não se sentem satisfeitos. Querem mais sexo. Sabe por que? Por que sexo sem afeto, não alimenta a alma.

Faça o teste de 15 dias e depois me conte os resultados. Você e sua parceira vão querer me agradecer depois por isso!

Se eu puder lhe dar um último conselho, eu diria: coma pizza, mas não acesse mais pornografia. A pizza vai lhe dar uns quilinhos a mais, porém, você queima tudo no sexo com sua parceira!

😉

Até a próxima!

49 Comentários

    1. Anderson Lumo

      Olá Cleber!

      É bom saber que você gostou das dicas.
      Se a educação sexual fosse algo presente desde nossa infância, com certeza cometeríamos menos erros que prejudicam nossas relações.

      Abraços,

      Responder
  1. Paulo Roberto

    Cara, muito obrigado de coração pelas dicas. Vou me esforçar de verdade para acabar com esse infortúnio. Minhas relações sexuais sempre foram ruins e creio é por causa disso. Já gastei dinheiro com pornografia e poderia ter investido em pizza hahaha . Abraço. Obrigado pela ajuda.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Paulo!

      Fico feliz em saber que esse artigo lhe ajudou de alguma forma.
      Sem dúvida, pizza é melhor que pornografia para nossa saúde mental.
      hahaha

      Abraços,

      Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Elias!

      Que bom que você pretende se esforçar para ter uma melhor qualidade de vida e um novo desempenho sexual.
      Precisando, pode contar comigo!

      Abraços,

      Responder
  2. Helio Mazzuti

    Acho que não recebi o link do Exercicio gratuito, ja conferi várias vezes o e-mail, a lixeira e caixa de spam e não encontrei.
    Peço a gentileza em conferir ou reenviar por favor.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Helio,

      Como você não está conseguindo baixar o exercício, eu enviei em anexo para o seu e-mail.
      😀

      Abraços,

      Responder
  3. Conrado

    olá! Anderson, quando vi seu vídeo sobre o e book não tive nenhuma dúvida de que o caminho era esse corpo e mente no controle total da ejaculação.
    como uma ejaculação precoce, fui logo comprando o livro e de uma só sentada li completamente.
    sou extremante grato pela sua vida por nos compartilhar tão grande livro parabéns.
    quando vier a Fortaleza ministrar palestra quero ser o primeiro da fila e poder lhe dar um abraço.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Conrado!

      Eu que agradeço o seu interesse em meu trabalho.
      Sempre é um enorme prazer poder ajudar.

      Nunca pensei em dar palestras, mas se um dia essa ocasião acontecer, lembrarei logo de você.
      Sinta-se abraçado meu amigo!

      Responder

  4. edson

    Parabéns pelos conteúdos vou praticar os exercícios para aproveitar o tempo necessário.
    No meu caso eu sou mais elétrico que ela, como faço para me distrair mais sem pensar toda hora em sexo , as vezes ela fica chateada. Mesmo terminando em 5 ou 6 minutos os dois eu consigo deixá-la satisfeita mas eu depois que descanso…acho que isso é uma das consequências da pornografia.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Edson!

      Obrigado! Você não precisa se distrair durante o sexo.
      A intenção é que você esteja presente de corpo e alma. Mas, para diminuir seu nível de excitação é necessário que você não supervalorize a relação sexual. Entenda que uma relação sexual é um ato comum como fazer uma tarefa no trabalho ou tomar banho. A ideia pode parecer boba, mas isso vai ajudá-lo a se manter mais concentrado e relaxado durante a relação sexual.

      Abraços,

      Responder

  5. Olá Anderson,
    Li todo esse artigo e confesso que concordo plenamente com todos os participantes que se manifestam sobre esse seu artigo, pode ter certeza que todos foram sinceros, pois, também achei interessantíssimo o que você comentou. Anderson você é um cara diferente e especial. Você não é daqueles que só vende seu peixe, mas, também cativas seus fregueses (conheces o livro, claro “O Pequeno Príncipe” – o mestre é responsável por aquele que cativas. continue com seu trabalho exemplar e brilhante. Obrigado, pela vossa atenção indispensável. Até o próximo.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Lourival!

      Fico muito grato pelas sinceras palavras. É sempre um enorme prazer poder ajudar.
      Conheço sim o livro “O Pequeno Príncipe”, ele tem preciosas lições sobre a vida e sobre os relações que criamos com as outras pessoas.

      Abraços,

      Responder
  6. José Nilton

    Nossa já ia procurar farmácia ,,mais com tudo que li aqui. Vc consegui só mudando meus hábito s obrigado

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá José!

      Existe sim maneiras naturais de resolver o problema da EP.
      E o autodesenvolvimento é um dos caminhos possíveis para atingir esse objetivo.

      Abraços,

      Responder
  7. Carlos

    Estou iniciando os exercícios.
    Depois da leitura do texto, pretendo abandonar a pornografia. Vendo vídeos, chegamos ao orgasmo rápido porque não existe motivo para prolongar e isso acaba por nos fazer ter EP com nossas parceiras.

    Obrigado mais um vez

    Responder
      1. Anderson Lumo

        Olá Emmanuel!

        Obrigado pela sua participação.
        Faça o teste de 15 dias e depois me diga o que achou.

        🙂

        Abraços,

        Responder
  8. Marcos

    Excelente assunto…eu estava precisando muito de saber sobre isto, só tenho a te Agradecer Anderson Lumo.
    Abçs Amigo e sucesso e prosperidade em todos seus Objetivos.
    Mto Obgdo mesmo,de coração.

    Responder
  9. Gilmar Costa

    Olá Anderson
    Gostaria antes de mais felicitar-te pelo excelente trabalho. Conteúdo prático e simples, e de fácil compreensão de todos. Obrigado pelo artigo, li com atenção de modo a colocar em prática as dicas, e na certeza de que melhorarei bastante a partir de hoje.

    Forte abraço

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Gilmar!

      Fico muito feliz em saber que você tem gostado do meu trabalho.
      Muito obrigado!

      Sempre é um enorme prazer poder ajudar.
      Desejo sucesso para você e para o seu relacionamento.

      Abraços,

      Responder
  10. Leonardo

    Olá Anderson , seu blog está sendo de grande ajuda para mim e acredito que para muitos , antes de mais nada gostaria de parabeniza-lo pela sua ação de ajudar muitos pessoas com EP e dar muitas informações valiosas sobre o problema.Fiquei varias horas lendo as publicações e lendo os artigos aqui apresentados e iniciei os exercícios do PC com bastante confiança e estou prontificado e muito determinado no meu objetivo .Tenho uma vida sexual bastante ativa e de certa forma bastante apimentada apesar desse meu problema, e gostaria de saber se o ato sexual durante o período dos exercícios prejudica ou beneficia no tratamento da EP, e se há também algum tipo de preparo ”pré-sexual” que possa servir como parte do tratamento ou algo parecido ??
    Muito Obrigado pela ajuda e pela atenção .

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Leonardo!

      Fico muito feliz em saber que o conteúdo do blog tem lhe ajudado a lidar com a ejaculação precoce.
      Respondendo suas perguntas:

      1. Não há nenhum problema em praticar o exercício e ter uma vida sexual ativa simultaneamente. O que pode ocorrer é nos primeiros dias de prática do exercício de fortalecimento do PC, você sentir dores, pois é um músculo que não estava sendo exercitado. E ter relações sexuais com o PC dolorido pode trazer algum desconforto. Mas, se você já passou desta fase inicial, não tem com o que se preocupar. Mantenha os exercícios e sua vida sexual em plena atividade.

      2. Não existe nenhum pré-requisito antes do ato sexual. Mas deixo uma recomendação: sempre antes de partir para a “o ato em si” tente se desligar dos problemas e do mundo externo. Respire calmamente e foque sua atenção apenas na sua parceira. Isso lhe dará maior consciência a respeito do seu corpo, do corpo da sua parceira e dos mecanismos que envolvem a ejaculação e o orgasmo. Além de lhe deixar mais tranquilo e confiante.

      Espero ter ajudado!

      Abraços,

      Responder

  11. Tema muitissimo interessante muitas coisas mencionadas que eu ja passei…e muitas das vezes que nos masturbamos vendo filmes porno queremos chegar ao orgasmo mais rápido possível e isso torna-se um habito e quando estamos perante à uma relação ejaculamos muito antes pk habituamos o nosso corpo assim e dei conta que a pornografia é o vilão no combate da EP…segui os teus conselhos têm me ajudando bastante ainda não me livrei deste mal mais já consegui dar um bom avanço com exercícios e técnicas que tens me enviado..Agradeço mano Anderson Lumo grande especialista na matéria. ..um abraço mano apartir de ANGOLA

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Adilson!

      É bom saber que você achou o conteúdo interessante. Obrigado!
      O importante é subir um degrau de cada vez. Com isso, você vai progredir no seu tratamento, até ficar totalmente livre da EP.
      Um forte abraço para você e todos os leitores de Angola!
      🙂

      Desejo boa sorte!

      Responder
  12. Jaime Gois

    Parabéns, Anderson!

    Precisava ler algo tão sábio, objetivo e esclarecedor…

    Consumi bastante pornografia por alguns anos. Experiência miserável!

    Há alguns meses estou me abstendo, porque me sentia mal. Mesmo sem saber claramente desses efeitos maléficos por ela causados, sabia que aquilo não estava me fazendo bem.

    Durante esse período de abstenção tenho notado que o meu controle sobre a ejaculação melhorou significativamente! Não é coincidência, certamente… Aliás, todo o meu desempenho sexual, e até em outras áreas da minha vida, está muito melhor!

    Hoje percebo o quanto fui tolo em ter deixado a pornografia ocupar tanto espaço em minha vida…

    Mais uma vez, parabéns e obrigado pela ajuda!

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Jaime!

      Que bom que você gostou do artigo!
      Obrigado!

      Só percebemos os efeitos nocivos da pornografia em nosso desempenho, quando paramos e sentimos alguns aspectos de nossa vida mudar para melhor.

      Abraços,

      Responder
  13. Ivanir

    Parabéns! Pela primeira vez vi alguém sensato condenar algo tão óbvio! Obrigado pelo sábio conselho. É a mais pura verdade, nós homens somos ludibriados pela indústria porno que tenta nos empurrar esse lixo diabólico onde o principal objetivo é o lucro financeiro. Nunca vão mostrar “os erros” de gravação! Rsrs e o pior é que acreditávamos no “desempenho” dos caras… ponografia nunca mais… Obrigado mais uma vez!

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Ivanir!

      Obrigado pela participação!
      Para a indústria que promove os filmes adultos é interessante que ninguém saiba dos truques de produção que existe. Por isso, a melhor maneira de sairmos dessa armadilha é tomando consciência.

      Abraços,

      Responder
  14. Anônimo

    Puxa, como posso te agradecer por este artigo tão produtivo?! Obrigado, cara! Continuo na luta, um dia eu chego lá, um dia terei total controle da ejaculação. Um abraço

    Responder
  15. Filipe

    Muito bom, Anderson! Leio este artigo com uma visão diferente da que tinha há 3 meses atrás (época em que comprei o seu livro). Ajudou-me bastante, mas o jogo ainda não acabou, e continuo praticando as técnicas de respiração e os exercicios PC.

    Uma maneira que encontrei para retardar a ejaculação é ter orgasmos secos. Consegui algumas vezes e percebi que não perdi a ereção depois, embora perdesse bruscamente a vontade de ejacular. Tento fazer isso várias vezes durante o sexo. Já falhei uma vez, por não ter conseguido me excitar no escuro (ainda sou muito visual) e perdi a ereção com um orgasmo super sem graça, me senti muito mal por não ter satisfeito minha namorada, mas ela me entende e apoia. Mas não vou desistir. Esse problema de EP morre em 2015.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Filipe! Fico muito feliz com o seu progresso.
      Ter noção sobre as mudanças que estão ocorrendo no seu desempenho sexual é muito importante para continuar seguindo em frente, melhorar seu desempenho e obter o controle total da ejaculação.

      Conte comigo no que for preciso para que a sua ejaculação precoce fique enterrada em 2015.

      Abraços,

      Responder
  16. Reyres

    Caro,

    obrigado pelos conselhos. Um trabalho bem feito é sempre bom. Nós homens padecemos pelo nosso “desempenho”. Dependemos das mulheres, reconheçamos isto. A culpa e a indústria pornô me destruíram sexualmente.
    Um belo artigo.

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Reyres!

      Obrigado pelo comentário e participação.
      Reconhecer é o primeiro passo para a mudança.
      Agora você precisa agir e cortar os laços com os hábitos que tem prejudicado seu desempenho sexual.

      Grande abraço

      Responder
  17. Silva

    Muito interessante este documento. Voce comentou do pai nao esta presente no momento em que estamos descobrindo nosso corpo, mais nem sempre somo nos que nao o chamamos para compartilhar esse assunto e sim por que nao temos como comentar.Para o meu pai isso era pornografia rs, entao eu tive que descobrir alguma coisas atraves de amigos mais velhos que ja “entendiam” do assunto.

    Mas pra mim, nao troco a companhia de uma mulher por uma masturbacao/pornografia.

    abracos

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Silva!

      Obrigado pela participação!
      Muitas vezes os garotos não procuram seus pais por que sabem que a opinião dele talvez seja severa em relação ao sexo. Outros garotos são tímidos, mesmo que o pai crie uma abertura para falar sobre sexualidade.

      E grande parte dos adolescentes desejam se aventurar nessa descoberta sexual por conta própria. Mas como qualquer aventura, a descoberta do sexo pode machucar e trazer sérias complicações.

      Abraços,

      Responder
  18. Ferreira

    “E quando a garota dos seus sonhos não dava bola para você por causa do cara mais velho, o que você fazia? Ia detonar ela junto dos seus amigos, mas quando você chegava em casa, se masturbava pensando nela.”

    Não pude conter o riso nessa parte, Anderson. Fiz tanto isso quando adolescente… rsrs

    Você tocou em um ponto crucial para a imensa maioria dos homens. Se eu soubesse o que sei hoje na época que comecei a conhecer meu corpo, tudo teria sido bem diferente.
    Eu já havia notado mesmo que a pornografia acabava despertando em mim sentimentos diversos, principalmente o de inferioridade. Sem dúvida este artigo me fez refletir bastante, inclusive era um assunto em que eu vinha pensando bastante na última semana.

    Eu recomendo a quem tiver interesse assistir o filme “Como não perder essa mulher”, de 2013, com Joseph Gordon-Levitt, Scarlett Johansson e Julianne Moore. Ele trata basicamente de um homem jovem que passou boa parte da vida sendo estimulado pelo prazer rápido e prático da pornografia online e com isso refletindo as consequências do estilo de vida dele em todos os seus relacionamentos. Tem momentos no filme em que o personagem fica extremamente frustrado pelo sexo sem graça que pratica com as parceiras, justo pela comparação com a pornografia, e acaba descontando tudo na masturbação desenfreada com mais e mais vídeos pornôs. Não somente a vida sexual do personagem é assim, também todas as suas relações pessoais o são; nota-se que é um homem sem controle emocional. Toda a temática é tratada de maneira bem humorada.

    Bom, obrigado por compartilhar essas informações, Anderson. Fizeram-me refletir bastante!

    Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Ferreira!

      Que bom que você gostou!
      As descobertas sexuais e frustrações amorosas dos garotos são sempre muito parecidas. E o grande vilão é a nossa cultura que ainda encara o sexo como algo “misterioso”. E nós homens temos que aprender na base da tentativa e erro. O grande problema é quando o erro permanece, se torna um vício, um hábito que pode atrapalhar nossa vida.

      Obrigado pela dica de filme, vou procurar assistir.

      Abraços,

      Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Miguel! Obrigado pela participação.

      Sim! A masturbação sem a ejaculação tem vários benefícios:

      1. Você perceberá que é possível sentir prazer sem ejaculação.
      2. O foco da masturbação deve ser conhecer os mecanismos que ativam a ejaculação. Perceber como seu corpo reage ao orgasmo e tomar consciência do funcionamento do seu músculo PC.
      3. Aprender a não desperdiçar essa energia sexual na masturbação. Será bem mais proveitosa compartilhar com sua parceira no momento do sexo.

      Tudo isso lhe dará mais autocontrole.

      Abraços,

      Responder
    1. Anderson Lumo

      Olá Sérgio!

      Obrigado pela participação.
      Realmente, a pornografia “polui a mente”, pois nos dá falsas referências sobre o sexo. O que pode contribuir na formação de uma visão distorcida sobre os relacionamentos e as relações sexuais.

      Abraços,

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *