3 Dicas para Controlar a Ejaculação

Os tempos de ejacular rápido estão chegando ao fim, acredite nisso. Mas para que haja uma mudança na sua vida, é preciso ser determinado e fiel aos objetivos traçados. E isso consiste em adotar uma postura diferente e disciplinada, confira as 3 dicas que eu considero fundamentais para quem está interessado em controlar a ejaculação e virar esse jogo!

DESENVOLVA O SEU MÚSCULO PC

O que seria este músculo? Trata-se do pubococcigeo. Digamos que você quer segurar a urina, é esse músculo responsável pela operação. Desenvolver este músculo é essencial para controlar a ejaculação.

Com o PC desenvolvido você passa a ter maior consciência sobre os seus movimentos involuntários e em consequência disso, maior controle sobre ele. Assim poderá interferir diretamente no processo de ejaculação.

Sim! Quando o assunto é segurar a ejaculação, o pubococcigeo exerce essa função fundamental e você deve torná-lo em um grande aliado para obter o controle da ejaculação. Eu gosto de dizer que ele já está fazendo a parte dele no processo de ejaculação, mas está fazendo do jeito dele! Agora é hora de você mostrar quem manda na casa e treiná-lo para fazer o que você deseja.

De quebra o fortalecimento do músculo PC ainda vai te proporcionar ereções mais vigorosas!

Bom, por onde começar?

A primeira coisa a fazer é identificá-lo, já que muitos homens não fazem a menor ideia de onde ele fica. Vá ao banheiro e tente forçar a urina. O músculo que você usou para fazer isso é o PC. Quando for urinar, experimente interromper o jato a cada 3 segundos, solte o jato e interrompa por mais 3 segundos. O músculo usado para segurar a urina também é o PC. Ele se estende da base do pênis até a região anal. Esta região também deve ser exercitada para com outros exercícios que eu explico detalhadamente no ebook “Corpo e Mente no Controle Total da Ejaculação“.

E aí você pergunta: “tá bom, eu já achei o dito cujo, e agora, o que faço?”. Sabe aquele movimento que você fez para segurar a urina? Faça o mesmo movimento agora enquanto está sentado na sua poltrona lendo este artigo. É isso o que você vai ter que fazer para desenvolver o músculo PC. Contraia e segure por uns 3 segundos e depois solte.

Geralmente no começo das atividades você vai contrair o abdômen ou os glúteos também. Mas, depois da um pouco de treino já será possível dissociar o movimento de cada musculatura. Para isso, faça todo dia algumas séries com o músculo PC. Em um mês você já conseguirá sentir os resultados pelo menos na sua ereção. O resto vai ser uma consequência gradual.

Confira aqui um guia com o exercício completo para desenvolver o músculo PC!

PARA CONTROLAR A EJACULAÇÃO, RECONDICIONE A SUA MENTE

Homem pensando

Quando lidamos com a ejaculação precoce, temos que lidar com nossas emoções, em especial os nossos próprios medos. Medo de perder a mulher que amamos, medo de passar vexame, medo de ser considero inferior, medo de não satisfazer a parceira, medo de ser rejeitado, entre outros receios. Conviver com o medo só vai piorar as coisas, ainda mais quando ele não é nenhum pouco necessário. O medo por si só daria para escrever um livro inteiro aqui, mas vamos nos ater a convicção de que pensar no problema não vai trazer uma solução.

Se você chegou até aqui é por que sabe que a ejaculação precoce é algo que incomoda e traz alguns desconfortos que gostaríamos de evitar. Se você já sabe disso, não precisa ficar vivificando estes pensamentos. Ejacular antes do desejado é ruim, ponto. Mas vamos tirar o foco disso e agora vamos pensar em solução. Deixemos os problemas e os inconvenientes de lado. Até por que, pensar negativo, só vai tornar o problema maior do que ele realmente é. Acredite! Quando tudo isso for superado você não vai achar que ele era tão grande quanto parece agora.

O primeiro passo é você esquecer a ejaculação precoce. Pensar, só vai fortalecer o problema. Então, dedique um tempo para se imaginar desfrutando do sexo de forma plena. Imagine-se curtindo o momento de maneira feliz com sua parceira. Associe o sexo ao prazer. Talvez o sexo atualmente signifique para você algo diferente de prazer. Talvez esforço ou frustração… não importa. Existem algumas técnicas para substituir essas associações erradas por outras desejadas. Eu posso te ajudar nisso oportunamente.

Tire o foco do problema e direcione-o para a solução! Mas, não adianta fazer isso de qualquer forma. Você vai entender melhor com com os exemplos abaixo:

Exemplo 1. Como vou parar de ejacular precocemente?

Exemplo 2. Como posso proporcionar mais prazer a minha parceira?

Note, que em ambos os casos existe uma preocupação em obter uma solução. Contudo, enquanto o primeiro exemplo reforça a palavra “ejaculação precoce”, o segundo exemplo está focando em proporcionar “prazer”.

O simples fato de pensar em ejaculação precoce, reforça o foco no problema. E nosso trato é para você pensar na solução. Então, nada de pensar em ejaculação precoce.

Todos nós temos escolhas, e neste exato momento você tem duas:

1. Não fazer nada e continuar convivendo com a ejaculação precoce, acreditando que você nasceu com esse “defeito de fábrica”.

2. Mudar AGORA sua postura mental, de modo a ter uma vida sexual satisfatória.

A escolha é sua, mas no seu caso eu optaria pela segunda opção.

Então, você precisa criar associações. Sempre que você se perceber boicotando sua vontade de vencer, vincule essa postura a algo que traga dor. Sempre que você se perceber andando rumo a solução, vincule essa atitude ao prazer. Nosso cérebro possui uma programação original para buscar o prazer e eliminar a dor.

DESENVOLVA A PERCEPÇÃO SOBRE O SEU CORPO

Nosso Sistema Nervoso Autônomo se subdivide em outros dois sistemas: o Sistema Nervoso Simpático e o Sistema Nervoso Parassimpático.

O Parassimpático é responsável pela ereção. Também controla as reações que colocam o corpo em um estado de calma, como os batimentos em ritmo normal, respiração sob controle e músculos relaxados.

O simpático, por outro entra em ação em situações de estresse. Ele está ligado às reações instintivas e também pelo processo de ejaculação. Quando o SN Simpático está mais ativo que o Parassimpático as reações típicas são, entre outros: batimentos cardíacos acelerados, aumento do ritmo respiratório, músculos tensos e contraídos.

Durante o sexo, se você desenvolver a percepção sobre tais reações, identificará quando o Simpático começa a tomar conta do pedaço e poderá intervir na situação, induzindo a volta ao modo Parassimpático.

Preste atenção ao que acontece com o seu corpo na hora do sexo. Veja os seus batimentos cardíacos acelerando, a respiração ficando intensa e rápida, os seus músculos pélvicos se contraindo e a ejaculação acontecendo.

Notavelmente a sua ereção tem que ocorrer antes de seus batimentos acelerarem. Se você já chega no quarto em um estado de tensão, geralmente em reação ao seu estado mental, provavelmente ejaculará rapidamente.

Tente sempre deixar os seus músculos relaxados também. Sabe aquela barriguinha que você adquiriu no natal passado? Pois bem, deixe ela para fora, relaxada, nada de contrair.

No final disso tudo uma coisa fica clara: ejacular mesmo antes do seu desejado como uma ação automática é a prova de uma perfeição do sistema ao executar aquilo que ele foi projetado para fazer. Se isso não está de acordo com os seus interesses, cabe a você conhecer todo este processo, interferir nele e treiná-lo até que faça aquilo que você deseja. E o melhor de forma automática, com naturalidade. Como deve ser.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *